Clima Organizacional, por que ele é tão importante para as Organizações e Pessoas?

Posted by:

No momento atual, no qual as Organizações enfrentam um cenário instável, complexo e de mudanças contínuas, elas precisam muito mais das suas pessoas e estas pessoas precisam estar alinhadas ao propósito organizacional num ambiente engajado, colaborativo e positivo.

A ambiência organizacional está longe de ser um tema de simples tratativa, porém, é fundamental para as Organizações conseguirem atingir o propósito organizacional. Todos nós sabemos, que qualquer ambiente que seja agradável, saudável, colaborativo e feliz gera motivação, comprometimento e os melhores resultados.

Nas Organizações isto não é diferente.  Chamamos de Clima Organizacional a percepção que todas as pessoas que trabalham numa Organização têm sobre a mesma, ou seja, Clima Organizacional é como as pessoas percebem, sentem os valores e comportamentos no ambiente organizacional e se conectam com os outros e com a Organização. No cotidiano organizacional, as pessoas vivenciam as práticas, as políticas, os sistemas, os processos, a estrutura, formando o conjunto de conhecimento e sentimentos, que impactam, diretamente, na satisfação ou insatisfação com o trabalho, na motivação, na produtividade, e, portanto, nos resultados.

Sendo o Clima Organizacional tão importante para uma Organização, para que ela possa analisar e alinhar o seu ambiente interno, se faz necessário o uso de uma ferramenta de gestão estratégica, capaz de dimensionar o que traz satisfação ou insatisfação para as pessoas.

Esta ferramenta é a Pesquisa de Clima Organizacional, que permite a Organização, avaliar e estabelecer ações de melhorias no ambiente interno. Através desta pesquisa o ambiente organizacional é mapeado e a organização consegue visualizar e estabelecer um plano de ação estruturado para tratar os aspectos não favoráveis, que estão afetando o seu ambiente interno, bem como, positivar os aspectos favoráveis e direcionar investimento de tempo, ação e recursos para o que, realmente, precisa ser abordado e melhorado.

Com a Pesquisa de Clima Organizacional aplicada, a Organização passa a conhecer os fatores que interferem na satisfação ou não, na motivação ou não das suas pessoas, bem como, os relacionamentos da liderança, das áreas e das equipes.

Através destes fatores a Organização é capaz de entender como está a percepção e o sentimento interno com relação a Organização e as Pessoas: visão interna e externa da Organização, comunicação interna, transparência, autonomia, realização pessoal, orgulho de pertencer, relacionamento com os colegas, entre as áreas, como está a satisfação com gestão de pessoas (remuneração, benefícios, desenvolvimento pessoal, colaboração, equilíbrio de direitos, respeito a diversidade); Liderança: como as pessoas se sentem em relação aos líderes, feedback, comunicação aberta e positiva, congruência, ética, respeito as diferenças, humanidade, desenvolvimento da equipe, trabalho em equipe; e, Trabalho e Meio:  propósito do trabalho, autonomia de trabalho, participação no processo decisório, desenvolvimento pessoal e profissional, qualidade de vida, valorização da inovação e potencial criativo,  identificação com o propósito, missão, valores e resultados da empresa, relação com o cliente, contribuição social.

Para atender todos estes fatores, a Pesquisa de Clima Organizacional abrange, Processo de Decisão, Comunicação, Imagem da Empresa, Orientação para Resultados, Modelo de Gestão, Cooperação de Equipes, Cooperação entre áreas, Remuneração, Benefícios, Desenvolvimento Pessoal, Ambiente e Condições de Trabalho, Distribuição de Trabalho, entre outros.

Após a aplicação da Pesquisa de Clima Organizacional é imprescindível comunicar que as respostas foram ouvidas e que haverá ações para tratar os fatores que são mais desfavoráveis de modo alavancar a percepção das pessoas e proporcionar colaboração para as melhorias no ambiente interno.

Um bom trabalho de Pesquisa, Análise e Ações de Clima Organizacional, proporciona:

  • Alinhamento da Cultura Organizacional e do Clima Organizacional.
  • Alinhamento do propósito organização e pessoas.
  • Desenvolvimento ambiente colaborativo, engajado.
  • Autonomia de trabalho para conquistas de resultados.
  • Comunicação fluída, democrática e transparente.
  • Gestão de Pessoas alinhada à percepção das pessoas.
  • Desenvolvimento e comprometimento da Liderança para impulsionar as ações.
  • Aumento da sinergia e amplitude de relacionamento entre as áreas.
  • Desburocratização e promoção de melhorias dos processos internos.
  • Fomentação de comportamentos e ações para resultados.
  • Motivação e orgulho de pertencer.

As pessoas são a Organização, então é necessário que a Organização forneça um ambiente interno saudável, que proporcione bem-estar, satisfação e motivação.  A identificação do estado atual da Organização através da Pesquisa de Clima Organizacional permite que as ações sejam traçadas, para atender ao ambiente organizacional almejado, que conecte o propósito organizacional ao propósito das suas pessoas.

A liderança exerce papel fundamental no Clima Organizacional e neste aspecto, o Coaching, considerado uma das principais especialidades do desenvolvimento de liderança do mundo atual, se destaca como uma ferramenta capaz de ajudar os líderes, a definir os objetivos, realizar ações concretas e promover as mudanças, através da consciência, interpretação, reflexão, das ações que impactam na melhoria do ambiente interno, de modo efetivo e com resultado muito mais rápido e positivo.

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
0

About the Author:

Administradora de Empresas, especialista em Liderança e Gestão de Pessoas associada a área de Negócios, Master Business and Executive Coach, Professional and Self Coach pelo Instituto Brasileiro de Coaching, certificadas pelos órgãos internacionais: Global Coaching Community, European Coaching Association, Metaforum International,Behavioral Coaching Institute, International Coaching Council)e International Association of Coaching. Practitioner em Programação Neurolinguísitica pelo Elsever Institute , certificada pelos órgãos internacionais:The Society of Neuro-Linguistic Programming, The Society of Neuro-Linguistic Programming - Richard Blandler. Liderança e Gestão em Recursos Humanos ligado as áreas de negócios, atuando há mais de 20 anos na área de Desenvolvimento Organizacional, e Humano, tendo desenvolvido e liderado projetos e em grandes empresas, entre eles Martins Comércio e Serviços de Distribuição S.A, Grupo Air Liquide, BSE . Forte experiência em todos os subsistemas de Recursos Humanos e sua aplicação para transformação e potencialização de resulttados, através das pessoas. Coach para construção de negócios e reestruturação de Organizações Coach de Executivos, Liderança e Carreira.Consultora para projetos Organizacionais e Pessoas. Diretora de Expansão e Regionais da ABRAPCOACHING - Associação Brasileira dos Profissionais de Coaching. Autora da Coluna de RH do jormal Correio de Uberlânda de 1998-2001, artigos na Revista ProCoaching, entre outros.
  Posts Relacionados